Categorizado | Poemas

Gravata Colorida

Escrito em 24 novembro 2011 por admin

Solano Trindade

quando eu tiver bastante pão

para meus filhos

para minha amada

pros meus amigos

e pros meus vizinhos

quando eu tiver

livros para ler

então eu comprarei

uma gravata colorida

larga

bonita

e darei um laço perfeito

e ficarei mostrando

a minha gravata colorida

a todos os que gostam

de gente engravatada

Poema de Solano Trindade (1908-1974) retirado do Boletim do Acampamento Dandara do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) – Jardim Minda, em Hortolândia.

Deixe uma resposta